Qual o melhor seguro de viagem para aventura?

77
8012

Post atualizado em 13/02/2019.

Você costuma contratar seguro para suas viagens de aventura? Se sim, esse post é para você. Se não, tá na hora de começar a pensar, já que a dor de cabeça em caso de algum acidente pode ser enorme para quem não tem seguro.

Essa já é a quinta versão desse post, que faço questão de manter bem atualizado, por se tratar de um tema importante (e que a gente só vai saber da importância quando precisar do seguro, ou seja, quando deu M!).

A verdade que precisa ser dita aqui é que as soluções no mercado brasileiro são escassas e, dependendo do tipo de atividade que você vai fazer, você precisará combinar algumas soluções, já que as atividades de maior risco geralmente não estão cobertas pelos planos disponíveis aos brasileiros.

Meu post original incluía um comparativo de custos e análise das apólices para ver as letrinhas do contrato que podem excluir pontos importantes considerando que sua viagem inclui atividade de aventura.

Na segunda versão do post eu tinha incluído na minha análise a World Nomads, uma empresa gringa, em comparação com as brasileiras Assist-Card, Mondial e Porto Seguro.

A World Nomads tinha superado todas as concorrentes em vários aspectos (incluindo preço), mas especialmente no quesito cobertura, que era bem mais extensa e muito mais clara no que estava e no que não estava coberto. Em razão disso bati o martelo aqui que a World Nomads era a melhor opção sem ressalvas.

Há algum tempo atrás, porém, a World Nomads passou por algumas alterações que diminuíram drasticamente as coberturas excelentes que ela tinha para esportes de aventura. 

Porém, boas notícias aos viajantes de aventura: A World Nomads voltou a cobrir inúmeros esportes de aventura, por isso estou mais uma vez atualizando este post.

Além da World Nomads, analisei quatro empresas de seguro do mercado brasileiro (Assist-Card, Travel Ace, GTAe Porto Seguro), buscando especificamente no contrato as exclusões de cobertura, que muitas vezes deixam de lado esportes radicais. Além disso, incluo aqui a opção da Global Rescue, que não é bem um seguro viagem, mas sim uma opção de resgate e que dependeria de uma combinação com um seguro viagem para ser mais efetivo.

Quase todas possuem exclusões com relação a um ou outro tipo de esporte, o local onde é praticado, dentre outros quesitos.

Temos inúmeros relatos de pessoas que tiveram brigas com seguradoras na hora de fazer o claim no seguro, e muitas seguradoras alegando algumas exclusões para negar o pagamento do prêmio. Nesse caso, meu conselho aos viajantes de aventura que vão fazer alguma atividade é o seguinte:

Envie um e-mail à seguradora indicando quais os esportes que serão praticados em seu destino e peça que eles indiquem o plano indicado para você. Isso porque, na minha opinião, as informações prestadas pelas empresas brasileiras não são tão claras e, desse jeito, você terá a certeza de ter contratado o plano que melhor cobre sua necessidade e evite que elas usem letrinhas minúsculas no contrato para negar alguma cobertura do seu seguro!

Se você não quiser ler todo o comparativo, fique à vontade para ir até o final do post e ler o resumo das minhas conclusões e as recomendações.

Buscas e Salvamento

Antes de analisar as seguradoras, vai aqui uma dica que incluí na quarta versão desse post: Antes, a GTA oferecia cobertura de até USD 40 mil para gastos com busca e salvamento, mas essa cobertura não existe mais. Desconheço, assim, qualquer seguro oferecido no Brasil que cubra gastos com buscas e salvamento.

Se você precisa de busca e salvamento para sua viagem, considere a Global Rescue.

A Global Rescue não é um seguro viagem propriamente dito, pois não possui as coberturas tradicionais de um seguro viagem. A Global Rescue, em suma, cobre qualquer tipo de resgate, sem restrições, levando você a um hospital.

O melhor aqui é contratar a Global Rescue + um seguro viagem para cobrir os custos médicos quando você for deixado em um hospital.

Enfim, vamos aos seguros de viagem disponíveis no Brasil.

Assist-Card

O meu pedido de cotação feito no site da empresa retornou 4 planos disponíveis com diferentes preços. O mais barato saía R$ 256 e o mais caro R$ 616. O que muda, basicamente, é o valor da cobertura para algumas situações, mas as atividades cobertas são as mesmas.

Fui atrás do contrato, que estava diferente da última vez que atualizei esse post e, ao que tudo indica, é possível contratar cobertura extras que incluem o reembolso de despesas médicas em caso de prática de esportes. As coberturas que identifiquei são as seguintes:

  • Despesas Médicas, Hospitalares e/ou Odontológicas em Viagem ao Exterior decorrente de Prática amadora de Esportes Radicais (DMHO Esporte Radical Amador).
  • Despesas Médicas, Hospitalares e/ou Odontológicas em Viagem ao Exterior decorrente de Prática Profissional de Esportes Radicais (DMHO Esporte Radical Profissional).

Contudo, apesar de o contrato indicar que existem coberturas adicionais, nenhum dos planos que a Assist-Card indicou na hora da contratação tinham essas coberturas. Também não encontrei a possibilidade de contratar uma cobertura adicional.

Existe um pdf de perguntas e respostas da Assist-Card que encontrei no Google e traz a seguinte resposta:

O que acontece se tenho um acidente esquiando?
Ofereceremos todos os nossos serviços enquanto você estiver esquiando como uma atividade de treinamento e não numa competição; e se o acidente ocorreu numa pista autorizada e habilitada.

Contudo, não achei diretamente no site da Assist-Card, então pode ser que não tenha mais validade.

Em uma versão anterior desse post (janeiro de 2017), eu tinha recebido um contato da Assist-Card e um funcionário me disse com todas as letras que esportes de aventura estão cobertos, desde que não realizados de forma profissional.

Na época, frisei com ele esportes de neve, escalada, trilha, montanhismo, bungee jump e ele disse que estão todos cobertos. Perguntei a ele sobre esqui fora de pistas regulamentadas e ele disse que também estava coberto. Pedi que ele me enviasse a resposta por e-mail, mas ele desconversou e não fez.

Alguns dias depois recebi uma resposta por e-mail do pessoal da Assist-Card. Para ficar claro, vou colocar abaixo exatamente o meu e-mail (o CAPS LOCK foi por conta do site deles, eu não escrevo gritando assim, ok?) e exatamente a resposta deles:

“BOA TARDE, GOSTARIA DE INFORMAÇÕES SOBRE A COBERTURA DOS PLANOS DE VOCÊS PARA ESPORTES RADICAIS. ANALISEI AS CONDIÇÕES GERAIS E AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NO SITE, MAS NÃO OBTIVE MUITO ESCLARECIMENTO POR LÁ. GOSTARIA DE SABER, POR EXEMPLO, SE AS SEGUINTES ATIVIDADES ESTÃO COBERTAS POR ALGUM PLANO DE VOCÊS: – ESQUI E SNOWBOARD; – ESQUI E SNOWBOARD FORA DE PISTA; – MERGULHO COM CILINDRO (TEM LIMITE DE PROFUNDIDADE?); – ESCALADA (TEM LIMITE DE ALTITUDE? ALGUMA DIFERENÇA SE A ESCALAR FOR INDOOR OU OUTDOOR?); – RAPEL (TEM LIMITE DE ALTITUDE?); – TREKKING (TEM LIMITE DE ALTITUDE?); – MONTANHISMO (TEM LIMITE DE ALTITUDE?); – SALTO COM PARAQUEDAS; – CAIAQUE; – MERGULHO EM CAVERNA; – VIAGEM DE BICICLETA; – HIKING (TEM LIMITE DE ALTITUDE?); – SURF; – KITESURF; – WINDSURF; – TRIATLO; – RAFTING. OBRIGADO, ALESSANDRO”

Resposta:

“Boa tarde Alessandro,
Segue link, onde a Assist Card informa que tem cobertura para esporte radicais.
Me informe o período da sua viagem que posso também te enviar uma cotação diferenciada.

Segue bilhete em anexo com condições das coberturas.

http://www.panrotas.com.br/noticia-turismo/cartoes-de-assistencia/2016/08/assist-card-passa-a-cobrir-esportes-radicais-gratuitamente_128048.html”

Contudo, essa matéria é do meio de 2016 e o site da Assist-Card não está nada claro a respeito de coberturas adicionais para a prática de esportes radicais.

Entrei novamente em contato com a Assist-Card com as mesmas perguntas de antes para ver se algo mudou na resposta deles. Até que eles enviem uma resposta (que eu compartilharei aqui), eu deixaria a Assist-Card de fora das opções para viagem de aventura.

World Nomads

World Nomads foi uma adição que fiz na segunda versão desse post. A World Nomads é uma empresa australiana e uma das maiores fornecedoras de seguro viagem do mundo.

Logo que conheci a World Nomads me encantei pela clareza nas informações prestadas e pela extensão da cobertura. A World Nomads sempre foi minha recomendação de seguro em razão dos itens acima.

Contudo, como falei no início desse post a World Nomads fez uma série de alterações no que diz respeito aos seguros comercializados aos viajantes brasileiros. Basicamente, devido a regulamentações brasileiras a World Nomads deixou de oferecer seu seguro que era garantido pela empresa dinamarquesa Bupa e passou a oferecer pela Zurich, empresa com escritório no Brasil. Em razão disso, as alterações foram enormes na cobertura.

Porém, recentemente vi que o seguro oferecido pela World Nomads passou novamente a cobrir várias atividades de aventura, inclusive ski e snowboard fora de pista, o que é bem raro.  E dando uma olhada no site deles, nota-se que eles continuam apresentando as informações de forma muito clara.

Basicamente, você tem a opção Standard e a opção Explorer, sendo o Explorer o plano que cobre atividades de aventura. No site deles (link aqui) você encontra todas as atividades que estão e não estão cobertas. Destaco algumas abaixo: 

Atividades cobertas:

  • Caminhada e hiking até 6.000 metros de altitude;
  • Andar de bicicleta em trilhas;
  • Mountain biking;
  • Atividades equestres;
  • Balonismo;
  • Boating;
  • Caminhada em geleiras;
  • Canoagem;
  • Canyon swing;
  • Canyonismo;
  • Ciclismo;
  • Corrida de montanha;
  • Escalada (boulder e indoor);
  • Ski e Snowboard;
  • Ski e snowboard dry slope;
  • Ski e snowboard fora de pista;
  • Ski aquático (excluindo saltos);
  • Heli-ski;
  • Kitesurf;
  • Mergulho até 50 metros;
  • Nadar com baleia e tubarão-baleia;
  • Pesca;
  • Rafting;
  • Rapel;
  • Surfe;
  • Trekking até 6.000 metros – em rotas conhecidas – sem cobertura onde equipamento de escalada seja necessário;
  • Wakeboard;
  • Windsurf;
  • Dentre outros.

Em termos de valores, a simulação que fiz trouxe um valor de R$ 290 no plano explorer. Muito barato!

Analisando os documentos disponibilizados no site deles, vi que existe um item de esportes não cobertos, e também um de riscos excluídos que conflita com alguns dos esportes cobertos. Fiz contato com o pessoal da World Nomads, que prontamente me respondeu dizendo que foi uma confusão no material produzido, e que podemos considerar que todos os esportes indicados como cobertos são cobertos.

Como advogado eu endosso o comentários deles. Existe uma oferta clara deles no sentido de que tais esportes são cobertos, então esta oferta contratada é vinculante e, de fato, eles tem que cobrir.

Sempre gostei muito da World Nomads, mas tinha parado de usar em razão da falta de cobertura para algumas atividades e esportes de aventura. Com essa nova alteração e o preço super razoável, a World Nomads passa novamente a ser minha primeira opção.

Para pesquisar os valores e fechar o seguro com a World Nomads, basta ir até o site deles, que é totalmente em português.

Travel Ace

Fiz a cotação no site da Travel Ace e três opções foram indicadas: Maximum 300K (R$ 639,18), Value 80K (R$ 391,14) e Tourist 12K (R$ 171,72).

Analisando as Condiçõs Gerais dos seguros, verifiquei que existe a seguinte exclusão:

8.1. ESTE SEGURO TAMBÉM NÃO GARANTE:
(…)

i) lesões derivadas da prática de caiaque, hipismo (recreação), esgrima, ski aquático, snowboard em pista regulamentada, futebol americano, Kart (recreação), mergulho com cilindro (até 25 metros de profundidade), mergulho subaquático usando snorkel (até 10 metros de profundidade), patinação, patinação artística, rugby, skate e wake boarding, exceto se contratada a Cobertura Adicional de Esportes. Esta exclusão não é válida para as Coberturas de Morte e Invalidez, conforme artigo 799 do Código Civil Brasileiro;
(…)
n) salvamento em mar, montanhas e zonas desabitadas ou ainda em países em estados de guerra declarada ou instabilidade política notória, que acarrete risco à vida e à saúde de sua população e de estrangeiros que ingressem no país;

Como se vê, contudo, é possível contratar uma cobertura adicional. E com relação à essa cobertura adicional, as Condições Gerais dizem o seguinte:

17. ESPORTES: Não obstante o que consta da Cláusula nº 8 (Riscos Excluídos) das Condições Gerais, esta Cobertura, desde que contratada, garante ao Segurado a extensão da prestação dos serviços de assistência médica, hospitalar e odontológica necessários, previstos nas Coberturas de Despesas Médicas e Hospitalares e Despesas Odontológicas em viagem ao exterior, por rede autorizada ou, na impossibilidade de contato ou utilização da rede de serviços autorizada, o reembolso das despesas médicas-hospitalares e odontológicas, até o limite do valor do Capital Segurado contratado para as respectivas Coberturas de Despesas Médicas e Hospitalares e Despesas Odontológicas, em decorrência de evento ocasionado por Acidente Pessoal ou enfermidade súbita e aguda ocorrida durante a prática direta dos esportes cobertos no período de viagem ao exterior, respeitados os riscos excluídos.

17.1. São modalidades de esportes cobertos: caiaque, hipismo (recreação), esgrima, ski aquático, snowboard em pista regulamentada, futebol americano, Kart (recreação), mergulho com cilindro (até 25 metros de profundidade), mergulho subaquático usando snorkel (até 10 metros de profundidade), patinação, patinação artística, rugby, skate e wake boarding.

Portanto, a Travel Ace cobre a prática de algumas atividades de aventura, mas não inclui gastos com busca e salvamento, e deixa bem claro quais são as práticas cobertas (item 17.1) acima. Se você vai praticar atividades que não estejam cobertas, melhor procurar outra opção.

Assim, se sua prática estiver coberta e você decidir fechar com a Travel Ace, ficaria feliz se você utilizasse o link abaixo para que o blog ganhe uma pequena comissão sem aumentar o valor que você pagará.

Link para contratar seguro Travel Ace.

Ao clicar no link você é direcionado para a página da Seguros Promo, uma das ferramentas de comparação de seguros viagem.

Basta você escolher o destino e as datas, preencher seus dados e escolher o plano da Travel Ace que ficará listado logo abaixo. Você verá várias opções da Travel Ace na lista, e a diferença entre elas é que eventual indenização que você receba por algum imprevisto será maior, então a escolha é sua.

Para contratar a cobertura adicional para prática esportiva, você deve entrar em contato com a Seguros Promo antes de seguir o procedimento acima.

Porto Seguro

A Porto Seguro foi a mais simples dentre as brasileiras.

Na parte de fazer a cotação, além do destino e demais informações normais, você pode marcar a opção se sua viagem envolve esportes de aventura. BINGO!

Marquei a opção e a cotação trouxe o plano Mundo Aventura por R$ 448,91.

Na página de perguntas e respostas da Porto Seguro temos o seguinte:

A quem se destinam os planos aventura?

Os Planos Aventura são para viajantes que irão praticar, em sua viagem, esportes radicais e/ou de aventura, desde que estes esportes sejam regulamentados e o mesmo seja praticado com os devidos equipamentos de segurança.

Fui consultar as Condições Gerais e encontrei as seguintes cláusulas (para a versão completa, clique aqui):

“4. RISCOS EXCLUÍDOS

4.2 Também ficam excluídos os acidentes e/ou eventos ocorridos em conseqüência: a) de competições ILEGAIS em aeronaves, embarcações e veículos a motor, inclusive treinos preparatórios. Esta exclusão não poderá ser aplicada para os casos em que o Segurado estiver no exercício legal de prática de esportes, ou quando estiver utilizando, legalmente, de meio de transporte mais arriscado;”

Pelo que se vê, o plano Mundo Aventura aparentemente cobre práticas esportivas desde que praticadas de forma legítima. Não está claro aqui o que seria o “exercício legal de prática de esportes”, mas eu aqui consideraria as práticas esportivas regulamentadas.

GTA

A GTA é uma adição à terceira versão desse post. E incluí essa empresa aqui por encontrar um plano específico para a prática de esportes. Recentemente eles fizeram algumas alterações e retiraram a cobertura para busca e salvamento, mas ainda assim possuem coberturas para práticas esportivas de aventura.

Fiz uma cotação no site, indicando que minha viagem teria prática de esportes. Três planos me foram disponibilizados:

  • All Sports, por R$ 370,04.
  • Full Sports, por R$ 481,69.
  • Full Sports Special, por R$ 722,54.

Entrei em contato por e-mail com a GTA e recebi a listagem de modalidades cobertas em cada um dos planos, e listo abaixo para facilitar a vida de todos. Incluí as principais atividades, mas fiquem à vontade para me mandar um e-mail que encaminho o arquivo a todos que quiserem (obs: All sports e Full Sports possuem praticamente as mesmas modalidades cobertas):

All Sports:

  • Atletismo;
  • Até o nível 3 de caiaque;
  • Badminton;
  • Caminhada;
  • Canoagem níveis 4 e 5;
  • Ciclismo;
  • Esqui aquático;
  • Fishing azole in deep coastal waters;
  • Ice skating;
  • Land Yachting;
  • Maratona;
  • Mergulho autônomo;
  • Natação;
  • Navegar em águas costeiras;
  • Paracending;
  • Pesca;
  • Remo;
  • Rafting até o nível 3;
  • Skate;
  • Surf;
  • Shooting with rifle;
  • Ski;
  • Snowboard;
  • Trekking Pônei;
  • Vela no Mediterrâneo, Mar do Norte e Canal da Mancha;
  • Walking.

Full Sports Special (todas as modalidades do All Sports, e algumas que destaco abaixo. Para lista completa, escreva pra mim):

  • Heli-Ski;
  • Mergulho alto;
  • Mountain bike;
  • Passeio de balão;
  • Quadriciclo abaixo de 250 cc;
  • Race horse;
  • Rafting nível 4 e 5;
  • Rugby.

Assim como nas demais seguradoras, fui ler o contrato e identifiquei

Nas condições gerais, aplicáveis a TODOS OS PLANOS da GTA, consta o seguinte:

4. RISCOS EXCLUÍDOS 

4.2. Este seguro também não garante:

(…)

n) lesões derivadas da prática de esportes amadores ou profissionais, exceto se contratada a Cobertura Adicional de Despesas Médicas, Hospitalares e Odontológicas para Prática de Esportes.

o) salvamento em mar, montanhas e zonas desabitadas ou ainda em países em estados de guerra declarada ou instabilidade política notória, que acarrete risco à vida e à saúde de sua população e de estrangeiros que ingressem no país;

Contudo, você pode contratar o que eles chamam de “condições especiais”, o que acaba extendendo a cobertura para os esportes de aventura, e é aí que entra os planos All Sports, Full Sports e Full Sports Special.

Veja abaixo o que diz o contrato a respeito da contratação de condições especiais:

S. COBERTURA ADICIONAL DE DESPESAS MÉDICAS, HOSPITALARES E ODONTOLÓGICAS PARA PRÁTICA DE ESPORTES

2.2. Estão excluídos de cobertura os seguintes esportes radicais:

a) bobsleigh, luge e skeleton: esportes de inverno que se caracterizam pela descida em pistas específicas por meio de trenós, e que se diferenciam, entre si, pela posição corporal, quantidade de atletas, velocidade e tempo medidos;
b) caça esportiva de animais;
c) montanhismo acima de 2.500 metros de altitude (considerado alpinismo);
d) espeleologia: ciência voltada para o estudo de cavernas e praticada como esporte.
e) mergulho dependente (modalidade onde o suprimento de ar é recebido por meio de um tubo umbilical e monitorado por estação de controle localizada na superfície, praticado para fins profissionais e comum em reparo de estações de tratamento de água e esgoto, plataformas de petróleo e construções civis), mergulho livre marinho (mergulho no mar utilizando somente o ar contido nos pulmões, uma máscara de mergulho, um respirador e nadadeiras) e mergulho técnico (mergulho de profundidade não limitada nas tabelas de mergulho não descompressivo, utilizando-se de equipamentos e procedimentos especiais para estender o tempo de fundo com segurança);
f) rope jumping: variação do bungee jumping, classificado como extremamente radical por ser realizado (salto) com o corpo preso à corda sem elasticidade em espaço vazio enquanto se está preso a uma corda de nylon (sem elasticidade);
g) big wave surf: surfe em ondas gigantes, para onde o surfista é rebocado em um jet-ski.
h) heliski: subir além dos limites das pistas localizadas em montanhas com neve, geralmente por helicóptero, para descer a montanha esquiando.
i) sky surfing: modalidade do paraquedismo que utiliza uma prancha em queda-livre, a grande altura, para realizar acrobacias radicais.
j) base jump: modalidade de salto em altura na qual o atleta salta de penhascos, prédios, antenas e até pontes fazendo uso paraquedas apropriado para aberturas a baixas altitudes.
k) slackline: esporte que se baseia em se equilibrar em uma fita de nylon estreita e muito flexível, que deve ter suas extremidades fixadas em árvores, postes e rochas.

Me parece que as alterações recentes feitas pela GTA prejudicaram um pouco as coberturas, mas ainda assim parece uma boa opção para alguns esportes de aventura. Lembrando que agora o plano não inclui mais gastos com buscas e salvamento.

Se você quiser fechar o seguro com a GTA, peço que use este link aqui para ajudar o blog a continuar fazendo essas análises das seguradoras: Seguro com GTA. 

Seguindo o link você acessará o site da Real Seguros, um comparador de seguros que fechei parceria para divulgar seguros aqui no blog e que me parece bem útil para termos ideias de preços. Indique o destino e datas, depois indique seus dados de contato e clique em COMPARAR.

Procure o plano da GTA que você preferir na lista e pronto. 

Conclusão

Como aventureiro e advogado, este é um post que eu gosto muito de pesquisar e escrever e tento manter ele sempre atualizado.

Assim, para viagens de aventura, meus caros leitores, me parece que a melhor opção é a World Nomads. É uma empresa muito séria, uma grande marca no mundo da viagem e da aventura, e tem se dedicado bastante ao mercado brasileiro. As opções de cobertura são muito boas, inclusive incluindo ski fora de pista. O preço também foi o melhor de todos!

Outras opções muito boas são a Porto Seguro e os planos da GTA (especialmente o Full Sports Special), com uma leve vantagem para a GTA.

Assim, se você decidir fechar seu seguro com a World Nomads, agradeço muito se você usar o link: Seguro com a World Nomads. O blog ganha uma pequena comissão e você não paga nada mais por isso.

Se você decidir fechar seu seguro com a GTA, ficarei muito feliz se você utilizar o link da Real Seguros, seguindo o procedimento abaixo:

  1. Clique no seguinte link: Seguro com GTA. 
  2. Indique o destino e as datas e clique em COMPARE.
  3. Indique os dados de contato e clique em COMPARAR.
  4. Procure algum dos planos da GTA e clique em ADQUIRIR.
  5. Preencha seus dados até a conclusão do seguro.

Espero que o post tenha ajudado você a encontrar a melhor opção de seguro para sua viagem de aventura e, caso você tenha mais informações que possam ser úteis, comenta aqui embaixo e vamos usar o poder da internet para ajudar todos os aventureiros e viajantes.

Cadastre seu e-mail para receber as dicas de viagem e fotografia do GetOutside.

77 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.